O fiasco do Dia da Fertilidade

O Ministério da Saúde italiano lançou recentemente, em comemoração do Dia da Fertilidade, uma campanha para (SUPOSTAMENTE) incentivar a natalidade no país.

Até aqui tudo bem, pensei eu, quando li a notícia, embora ache que os incentivos passam mais por medidas práticas do que por campanhas com frases bonitas…

O pior mesmo foi quando vi as fotos e li as frases da campanha!

E eu só me pergunto: “quem é criativo por detrás desta campanha digna da Idade Média?”

A ideia devia ser incentivar, não atirar às mulheres a culpa pelo decrescimento da população, só faltando dizer: “Mulher, já cumpriste o teu dever perante a humanidade ou continuas a ser uma egocêntrica comodista que não percebe que está destruir o Mundo com o seu egoísmo?”

Como uma imagem vale mais que mil palavras, deixo-vos fotos da campanha, para que percebam a minha indignação ou estupefacção com a mesma.

Estão, agora a ver a ideia? Pois, eu também não… Serei a única que acha esta campanha um absurdo? Frases como ” a fertilidade é um bem comum”, ” um filho é a tempo indeterminado, o meu trabalho não” ou ( esta é óptima) “mexe-te não fiques à espera da cegonha” (wtf ?!), mostram como ainda temos um longo caminho a percorrer nesta sociedade que me parece absolutamente cega quanto à realidade da maioria das pessoas entre os 25 e os 35 anos (quer QUEIRAM ou não ter filhos…).

Agora vou só ali autoflagelar-me e já volto…

P.

Imagens daqui, daqui, daqui, daqui, daqui

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s